O novo Programa ACOLHE SP é colocado em prática durante as chuvas que atingiram o Estado

Todas as regiões do Estado já passaram por treinamento especifico para desastres e encontram-se prontas a ação

Nestas chuvas intensas que atingiram o Estado de São Paulo, o Programa Acolhe SP já implementou diversas ações atendendo à população afetada. A Secretária de Desenvolvimento Social e técnicos do programa fizeram uma visita, nesta quinta-feira (13/02), ao alojamento que está acolhendo famílias, no município de Osasco.

Os esforços continuam, inclusive na pós-ocorrência, o atendimento psicossocial dos afetados e seus familiares. O objetivo da visita é prestar solidariedade e orientar a população atingida a respeito de como devem fazer para antecipar benefícios de programas como Bolsa Família, liberação de crédito extra do BPC (Benefício de Prestação Continuada), antecipação da parcela do Fundo a Fundo e liberação dos benefícios eventuais.

Nesta sexta-feira, 14/02, os beneficiários do Bolsa Família dos municípios paulistas de São Carlos, Taquaritinga, Bebedouro e Itápolis, foram liberados para sacar antecipadamente a parcela de fevereiro.

Sobre o Programa

Novo programa para Emergências e Calamidades, que aciona imediatamente toda a rede de Assistência Social do Estado a reagir prontamente á ocorrências e crises climáticas, ambientais, químicas, etc. alinhada ás intervenções das Defesas Civis. Todas as regiões do Estado já passaram por treinamento especifico para desastres e encontram-se prontas a ação.

Público-Alvo

• Famílias e indivíduos em situação de vulnerabilidade social ou não, residentes em áreas de risco

• Famílias e indivíduos vítimas de desastres

• Agentes de proteção e defesa civil, técnicos e gestores da assistência social e voluntários dos municípios paulistas

Órgãos Envolvidos no Estado de São Paulo

• Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil

• Secretaria de Desenvolvimento Social

• Municípios

• Órgão gestor de assistência social

Voltar para o topo