FAQ - ALIMENTO SOLIDÁRIO

PERGUNTAS FREQUENTES

Segurança Alimentar

Alimento Solidário

- O que é?

Programa de segurança alimentar, que visa garantir a refeição das pessoas em situação de extrema pobreza do Estado, durante a pandemia do coronavírus. Serão distribuídas 1 milhão de cestas de alimentos

- O que contém na cesta?

Arroz, feijão, macarrão, açúcar, sal refinado, óleo de soja, composto lácteo, sardinha, milho verde, ervilha, farinha de trigo, molho de tomate, linguiça, farinha de mandioca, fubá, biscoito água e sal, biscoito de maisena e pó de café.

- Quem poderá receber?

Famílias cadastradas no CadÚnico, com renda mensal de até R$89,00 per capita, com cadastro ativo até março/2020 e residentes dos municípios das 6 Regiões Metropolitanas de São Paulo.

- Quando começará a entrega?

As cestas começaram a ser entregues aos municípios no dia 17 de abril, sendo Carapicuíba a primeira cidade a receber. Nas próximas semanas, serão entregues para mais 54 municípios das 6 Regiões Metropolitanas de São Paulo (Capital, Campinas, Ribeirão Preto, Sorocaba, Vale do Paraíba, Litoral Norte e Baixada Santista).

- Como funcionará a entrega?

As cestas de alimentos deverão ser entregues aos beneficiários do Programa Alimento Solidário, pelo município, mediante a distribuição de senhas, a fim de se evitar aglomerações nos pontos de entrega. Sugere-se que, quando possível, o Município realize a entrega das Cestas de Alimentos mediante o agendamento de horários.

Mais informações na nossa Central de Atendimento:

E-mail: faleconosco@desenvolvimentosocial.sp.gov.br

Tel: (11) 2763-8040 / 2763-8322 / 2763-8293

Horário de Atendimento: De Segunda a Sexta-feira, das 09h às 12h e das 13h às 17h.

Voltar para o topo